Primeiro encontro entre papas após a renúncia de Bento XVI

Hoje aconteceu a primeira reunião pessoal entre o Papa Franscisco e o Para emérito Bento XVI. O encontro ocorreu em Castegandolfo, na periferia da cidade de Roma.
O encontro foi marcado pelo sentimento de comunhão entre os dois papas, que conversaram durante 45 minutos na biblioteca com portas fechadas.
Papa Franscico e Bento XVI se abraçam
A renúncia de Bento XVI envolve muitas dúvidas. Denúncias de corrupção, homofobismo e pedofilia na igreja, talvez tenham sido os motivos da renúncia do papa, de antes da renúncia recebeu o dociê peidido pelo então papa Bento XVI.
Este é um momento histórico de muita importância para vida da igreja romana. A renúncia de um papa e a escolha de outro que vai de encontro tota a cultura papal de século demonstra uma ferida muito grave na igreja.
Nunca se havia escolhido um papa latino-americano, muito menos quando o mesmo é simpatizante jesuíta. Como ouço muitos dizerem: " algo está errado!" Nimguém sabe ao certo o que é, mas se tem as pistas.
A nova empreitada do Papa Francisco consiste em mudar uma igreja que já algum tempo está em decadência. A promessa é de mudanças, reformas, a começar pelo nome: Francisco, que ainda não havia sido utilizado por nenhum pontíifice em toda a história.
Cabe a quem simpatiza com a igreja católica rezar para o ajuste da igreja. A dedetização de ''parasitas'', e principalmente, a comunhão e a preservação da paz num mundo tão cheio de violência.

Comentários

Postagens mais visitadas

A influência da mídia nos dias atuais

Resenha do livro 1808, de Laurentino Gomes

Capacidade e Incapacidade no Código Civil de 2002