Interação social

A sociabilidade humana é uma prova concreta que o homem existe para viver em sociedade.
O filho é a decorrência natural de uma união, que gera estabilidade do núcleo familiar. A partir desse pequeno grupo forma-se uma interação material e sentimental/afetiva que se propaga aos pequenos grupos, até chegar à constituição de um pequeno grupo social.
As formas de interação desse grupo são muito diversas, podendo ser de cooperação, competição e conflito.
Quando há uma cooperação os indivíduos agem sob a luz de um mesmo objetivo. Lutam, trabalham, pensam em um mesmo assunto visando uma melhor resultado.
Na competição, dois indivíduos partilham o desejo de exclusão da outra. É a grande característica da nossa sociedade atual, um tentando excluir o outro. Esta exclusão se dá em melhorias que fazem quem é melhor ter mais oportunidade ou vender melhor, se for o caso. Quem tem um produto melhor vende mais, excluindo o mercado da outra, ou seja, o consumidor que compraria o produto da empresa x compra da y, excluindo assim a x do mercado. Tem um aspecto indireto e positivo, pois melhora a qualidade de produtos e/ou serviços.
Há também a interação por conflito, que são divergências de interesse. Ela ocorre quando há um impasse que não logra-se uma solução por meio do diálogo. Tal conflito pode ser moral ou físico. É direto e positivo. O Direito só irá disciplinar estas práticas onde houver relação potencialmente conflituosa.
Dá a entende que a sociedade do século XXI difere-se muito do padrão de antes. A forma de interação mudou, aliás, tudo mudou.
Com o advento tecnológico os humanos produzem muito mais informação do que antes. Esta informação coloca a par qualquer cidadão dos fatos, fazendo do mesmo um ser social opinador. A relação entre cooperação, competição e conflito no mundo moderno é a massificação de opiniões. Por meio das redes sociais, todo internauta pode cooperar com uma causa social, competir com outro, e ter conflitos igualmente potenciais como na vida coletiva não virtual.
Como no caso as Primavera Árabe, onde pessoas que tinham um interesse de cooperação comum usaram redes sociais para gerar um conflito que culminou com a queda de um regime. A importância da cooperação social  está em seu poder ampliado quando há um interesse comum coletivo.
A competição engloba hoje principalmente os mercados consumidores e em seus interessados o desejo de oferecer um serviço ou produto, e também um poder (No caso das eleições, que são uma competição que visa a escolha do melhor indivíduo). É por meio da competição que indivíduos se sobressaem em relação à outros.
Resumindo, a interação social engloba as ações conjuntas de humanos dentro de uma sociedade.

Comentários

  1. Esta lei eh, como meu amigo Humberto ja disse, um desrespeito a vida. Ora, o seu filho nao teve culpa de ser gerado, entao, ja que ele foi gerado, que o tenha. A contraargumentacao eh a qualidade de vida q essa crianca vai ter. Mas ela tem direito a vida!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

A influência da mídia nos dias atuais

Resenha do livro 1808, de Laurentino Gomes

Resenha do livro O Guia do Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams