Felicidade

Quase sempre nós nunca nos atentamos para os momentos bons da vida, simplesmente nos damos conta quando passam. Este é um dos vários defeitos da humanidade.
São poucos os momentos bons da vida, há os que dizem que bom é viver. Isso é  muito relativo, pois todos os dias trabalhamos, trabalhos e trabalhos. A semana toda trabalhando para ter um mero descanço no final de semana. O sistema capitalista faz com que sim, o dinheiro traga a felicidade, embora não impeça quem não tenha também ser feliz.
Ser feliz é um assunto muio dinâmico pois cada um é feliz ao seu modo. O que convém muito ao seu local, ser feliz na cidade ou no campo.
Desde de muito tempo atrás o ser humano vem buscando formas mais frequentes de felicidade, coisas como o video-game, o computador, etc e etc. Isso ao meu ver fez com que nos isolássemos uns dos outros brincando com estas máquinas, tentando criar uma felicidade que é mera ilusão. Na vida real tem-se felicidade com pessoas, conversando, trocando ideias, por isso o maior dom da humanidade foi a língua.

Comentários

Postagens mais visitadas

A influência da mídia nos dias atuais

Resenha do livro 1808, de Laurentino Gomes

Resenha do livro O Guia do Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams